quinta-feira, 4 de outubro de 2012

O Vale do Amanhecer é Centro Espírita?

A Sra Neiva Chavez Zelaya, nascida na cidade de Própria, Estado de Sergipe, a 30/10/1925, e desencarnada a 15/11/1985, ficou viúva aos 21 anos de idade. Em 1957, a ex-caminhoneira começou a buscar na Umbanda, explicação para as visões que dizia está tendo. Mudando-se para Goiânia (Goiás), visitou uma Tenda de Umbanda, onde lá conheceu uma senhora chamada "Mãe Nenen", que a conduziu no caminho Umbandista. Logo em seguida, as duas senhoras associadas, fundaram em 1959, a União Espiritualista Cristã Seta Branca (UESBo. Logo depois, ambas se mudaram para Taguatinga, no Distrito Federal e em 09/11/1969, chegaram aos arredores de Planaltina (DF), onde fundaram o Vale do Amanhecer, ou seja, a Ordem Espiritualista Cristã Vale do Amanhecer.
Atualmente, o Vale do Amanhecer é governado por um conselho de mestres chamados de "Trinos Presidente Triada", entre os quais está o filho biológico de "Irmã Neiva" (que posteriormente adotou "Tia Neiva") - Gilberto Chavez Zelaya, que acumula a função de coordenador dos templos do Amanhecer.
A doutrina do Amanhecer é baseada na lei da Reencarnação e fundamentada no livro de Allan Kardec "O Evangelho Segundo o Espiritismo". A prática ritual está fundamentada na Maçonaria e no Ocultismo Oriental, tendo por base central, a mitologia dos Incas, do Peru, através da figura central do cacique "Seta Branca".
Ainda podemos dizer que, a doutrina do Amanhecer tem um forte apelo milenarista, tal qual os Mórmons (Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias); assim como e marcada por um intenso hibridismo religioso, sistema adotado por Ramatis, com suas idéias lunáticas.
Em 1957, "Tia Neiva" passou a ver e ouvir "espíritos". Um cacique enfeitado com plumas brancas, falando espanhol foi o primeiro a se manifestar, identificando-se como "Pai Seta Branca" e "(...) informando que era a reencarnação de Francisco de Assis, o santo da Igreja Católica. Informou ainda que estava a serviço de uma grande missão aqui na Terra, mas como não podia mais nascer na Terra, escolhera "Tia Neiva" como sua substituta na criação de uma doutrina que através da prática da cura espiritual iria preparar a Humanidade para o 3° Milênio. Que "Tia Neiva" era médium universal, isto é, tinha todas as mediunidades conhecidas das ciências mediúnicas (...)." 
E isto resume toda a doutrina do Vale do Amanhecer que já conta cerca de 600 núcleos pelo Brasil e países latinos. 
Quem se debruçar no trabalho de comparar as "Carta Aberta" de "Tia Neiva" e as "Mensagens Mediúnicas" do "Pai Seta Branca", não verá diferença: uma não diz nada e o outro não diz coisa alguma.
A mediunidade de tia Neiva, se submetida ao crivo de Aksakof, não passa da primeira fase: Personismo. O resto fica por conta da imaginação fértil dos mestres e dos discípulos.
Tia Neiva ainda se considerava a reencarnação do "Espírito da Verdade", aquele que coordenou o trabalho dos Espíritos junto a Kardec, na elaboração da Doutrina dos Espíritos ou Espiritismo.
Além do que, os "espíritos de luz" que lá se manifestam através dos "apará", são os mesmos que na Umbanda, através dos "cavalos", também se manifestam, como "cabocla Jurema", "caboclo Pena Branca", "Pai Joaquim", "mãe Iara" e mais ciganos e pretos velhos.
Nada temos contra! Apenas que o Vale do Amanhecer não é CENTRO ESPÍRITA e está equidistante do Espiritismo. Diríamos mesmo, não guarda nenhuma relação.
A Lei da Reencarnação é um princípio básico do Espiritismo, mas não é propriedade da doutrina, mesmo porque não é criação dela; faz parte da história da Humanidade. Kardec deu uma nova conotação e explicação científica. Igualmente, a questão da relação do homem com os Espíritos através da faculdade mediúnica é inerente ao próprio homem, uma vez que mediunidade é uma forma de energia; no entranto, no Amanhecer, essa prática ainda não passou da fase do mediunismo.
Outra questão que não suporta uma análise detalhada, é a afirmativa do Amanhecer de que Tia Neiva era possuidora de todas as faculdades mediúnicas conhecida. Outa fantasia é a afirmação de que Tia Neiva foi escolhida para criar uma doutrina de libertação para o homem no 3º Milênio. Esse pensamento é idêntico ao do Espírito Ramatis e do seu médium Hercílio Mas, do Paraná. E conforme acentuou o mestre do Amanhecer, Mario Sassi, é o Amanhecer que se identifica com o Espiritismo e não o inverso. Quanto ao fato de haver "espíritas" comparecendo ao Vale do Amanhecer para se submeter a tratamento, também não guarda nenhuma relação como Espiritismo. Espíritas existem em vários graus de conhecimento e prática do Espiritismo e Kardec já os classificou em "O Livro dos Médiuns". Mas, muito provavelmente, esses ainda estão no estágio de "espíritas de contrabando", conforme elucidação dada por Kardec, em "Obras Póstumas", no cap. "Os Desertores".

Cândido Pereira (Texto extraído do site Lampadário Espírita:. Para acessar: http://www.lampadarioespirita.com/noticias.




5 comentários:

  1. Suas informações estão todas distorcidas... Refaça sua pesquisa....

    ResponderExcluir
  2. Existe algum Vale do amanhecer aqui na Argentina Buenos Aires? Onde? Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Sabrina! Eu realmente não sei te informar se há Vale do Amanhecer em Buenos Aires. Mas acessa este link: http://valedoamanhecer.com/va/ e clica na opção "Fale Conosco" que acredito que eles te informem, ok? Abrç!

      Excluir
  3. Existem alguns absurdos nesse texto sobre o Vale do Amanhecer postado por um tal Cândido Pereira. A comparação do Vale com os Mormons e Maçonaria é realmente ofensiva, mas talvez a coisa mais absurda de todas foi dizer que a Tia Neiva se considerava a reencarnação do Espírito da Verdade, um elevado mensageiro do Cristo senão o próprio, que coordenou as obras de Kardec. Muitas pessoas que escreveram sobre o Vale e Tia Neiva, inclusive o Mário Sassi, às vezes se equivocaram em suas entusiásticas afirmações não mostrando primeiro para a Tia Neiva para ver se ela concordava ou não com o texto. Daí saíram muitos absurdos e muitas bobagens sobre a missão do Vale , o Pai Seta Branca e a mediunidade de Tia Neiva. O mesmo aconteceu com as psicografias publicadas por Hercílio Maes e o verdadeiro pensamento do espírito Ramatis sobre os assuntos abordados, o que levou o iluminado espírito Ramatis, mensageiro do Cristo, ser considerado um pseudo-sábio.

    ResponderExcluir